Pesquisas eleitorais para presidente: Bolsonaro tem 50,5%

Bélit Araújo 22/10/2022

Pesquisa presidente ModalMais/Futura: Bolsonaro tem 50,5% dos votos válidos e Lula tem 49,5%

Na sexta-feira, 21, a pesquisa ModalMais/Futura foi divulgada ao público com o presidente Jair Bolsonaro na liderança à frente do ex-presidente Lula.

Na segunda eleição presidencial, Jair Bolsonaro (PL) tem 50,5% dos votos válidos e Luiz Inácio Lula da Silva (PT), 49,5%.

Uma pesquisa do Futura Inteligência encomendada pelo Banco Modal revelou resultados interessantes nesta sexta-feira, dia 21.

Somente os votos válidos de pessoas que são brancos, nulos ou dizem que não sabem são considerados.

Este é o método aprovado que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) utiliza para totalizar a eleição.

A margem de erro para esta pesquisa é de 2,2 pontos percentuais, suficientemente próxima para que os candidatos possam tecnicamente empatar.

A última pesquisa realizada pelo instituto revelou que Lula estava à frente de Bolsonaro, embora a margem de erro ainda esteja presente.

A pesquisa foi conduzida ao longo de dois dias, de 17 a 19 de outubro, usando CATI (entrevista telefônica assistida por computador) com 2.000 pessoas.

Para um nível de confiança de 95%, a margem de erro é de 2,2 pontos percentuais.

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número BR-08523/2022. 

Votos válidosBolsonaro (PL): 50,5% – Lula (PT): 49,5%

Votos totaisBolsonaro (PL): 46,9% (alta de +0,4 ponto ante pesquisa anterior) – Lula (PT): 45,9% (queda de -1 ponto) – Não sabe, não respondeu ou indeciso: 3,3% – Branco/nulo: 3,8%.

Na última semana, Lula perdeu um ponto enquanto Bolsonaro ganhou 0,4 pontos no total de votos dos Brancos e daqueles que não puderam responder à pergunta da pesquisa.

Conheça o nosso blog e tenha em mais as dicas e notícias em alta direto na palma da sua mão!

CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO E SAIBA MAIS!

Texto: Exame Imagem: Lula: Nelson Almeida/Getty Images - Bolsonaro: Clauber Cleber Caetano/PR/Divulgação Publicado: Publicado em 21/10/2022 às 12:04